Governo do Estado de Mato Grosso do Sul

‹ Voltar

Som da Concha do próximo domingo traz Jennifer Magnética e Codinome Winchester

Campo Grande (MS) – O Som da Concha do próximo domingo, dia 29 de maio de 2016, traz ao público as bandas Jennifer Magnética e Codinome Winchester. As apresentações acontecem a partir das 18 horas, na Concha Acústica Helena Meirelles, que fica no Parque das Nações Indígenas, e a entrada, como sempre, é franca.

A abertura do show fica por conta da banda Codinome Winchester. Quem assiste aos seus shows entende que seu som realmente causa impacto aos ouvidos mal acostumados; pois é um disparo violento do velho Rock n´Roll com toques de psicodelia e um soco de musicalidade do Indie Rock. É um show vibrante.

A banda Winchester, que nasceu tocando para amigos e em eventos da UFMS, se assumiu como profissional em 2013. Cada vez mais solicitada pelas casas noturnas de Campo Grande, exigiu dos músicos a responsabilidade de viver da música. Essa visão de empreender-se no mercado musical os levou para shows em outras cidades de Mato Grosso do Sul. Já tocaram com Cachorro Grande, Vanguart, Supercombo, Scalene e Far From Alaska em festivais sul-mato-grossenses. Também participaram do concurso Temos Vagas, promovido pelo festival Lollapalooza, no qual ficaram entre as bandas mais votadas em todo o território nacional. No segundo semestre de 2014, a banda lançou com êxito seu EP contendo quatro faixas autorais – o “10% Alien”. Em 2015, além de dois vídeoclipes, a banda ainda lançou o segundo EP “Ocasiões Espaciais”; no mesmo ano fez dois shows na cidade de SP e interior de MS.

Em 2016, já passou por SP, RJ, Três Corações/MG e Dourados/MS. Além de muitas produções que estão no forno, produções captadas no famoso estúdio Toca do Bandido no Rio de Janeiro, em uma live session acústica.

Os músicos que estão agitando o cenário rock de Campo Grande ao quebrar as velhas tendências são: Arthur Maximiliano (guitarra e theremin), Fillipe Saldanha (vocal), Guilherme Napa (bateria), Luciano Armstrong (guitarra e sintetizador), Thiago Souto (baixo).

A banda incita ao movimento do corpo, da mesma forma que as bandas de rock setentistas; porém, com um resultado musical forte e moderno, que mostra as novas tendências do rock internacional, e se destaca com músicas autorais cada vez mais pedidas pelo público.

Logo depois sobe ao palco a banda Jennifer Magnética, com o seu quinto trabalho, “O Nascimento dos Planetas”. Lançado em abril de 2015, traz 14 novas músicas inéditas e, como acontece desde que este trio foi fundado em 2007, as inspirações e influências também são diversas neste novo álbum.

Jennifer Magnética é uma banda de rock, mas definir a vertente dentro do universo “rock” é algo que seus integrantes não se preocupam em dizer. Aqueles que ouvem a banda também não têm essa preocupação, ouvindo seu som sem se amarrar em rótulos.

????????????????????????????????????

Nascida na cidade de Campo Grande, Mato Grosso do Sul, Jennifer é um trio no qual todos tocam, compõem e cantam. Formada por Rodrigo Faleiros, Diogo Zarate e Jean Stringheta, a banda está apresentando seu novo CD, concebido e gravado ao longo do ano de 2014, contando, em algumas faixas, com participações de músicos talentosos e inspirados da cena regional.

Os outros trabalhos são os CDs “Placenta” (2007) e “O Verdadeiro Underground” (2010). Além desses, o EP “Licopeno” (2008) e o compacto “Gengiva Sangrenta/Tortura” (2014) completam a discografia da banda.
Em atividade ininterrupta desde sua criação, a banda lançou dez clipes e faz apresentações frequentes na região. Tocou também nos Estados de São Paulo, Minas Gerais, Paraná e Mato Grosso. Durante estes anos, compartilhou o palco com artistas de renome, como Titãs e Autoramas, entre outros.

Às vezes limpa e apresentável, às vezes agressiva e visceral, em outras melancólica e poética. Assim é a Jennifer Magnética. Uma banda de marmanjos batizada com nome de mulher! Todas as músicas da Jennifer Magnética estão disponíveis para download e em streaming em www.jennifermagnetica.com.br Facebook: www.facebook.com/jennifermagnetica YouTube: www.youtube.com/jennifermagnetica

Serviço:

O Som da Concha é um projeto da Secretaria de Estado de Cultura, Turismo, Empreendedorismo e Inovação (Sectei) por meio da Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul (FCMS) e acontece em domingos alternados, sempre às 18 horas, na Concha Acústica Helena Meirelles, no Parque das Nações Indígenas, com transmissão ao vivo pela TVEMS.