Governo do Estado de Mato Grosso do Sul

‹ Voltar

Nota de Pesar

  • 21 ago 2020
  • Categorias:Geral

A Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul lamenta a morte do servidor Edson da Silva, mais conhecido como “Profeta” ocorrida na quinta-feira (20/08)  em Curitiba-PR, decorrente  de complicações de um transplante de fígado. Profeta era natural de Cassilândia.

Ator, militante na cultura, foi um dos fundadores da Associação Campo-Grandense de Teatro (ACGT). Também participou da criação do Fórum Estadual de Cultura e do  Fundo Municipal de Investimento Cultural(FMIC) Antes de se aposentar, atuou no MIS (Museu da Imagem e do Som) como técnico de cinema e vídeo. Profeta era casado com Rita de Fátima e pai de duas filhas.

Diante desta irrecuperável perda nos solidarizamos com os amigos e familiares.