Governo do Estado de Mato Grosso do Sul

‹ Voltar

MIS exibe hoje documentário sobre aldeia indígena em Anastácio

Campo Grande (MS) – O Museu da Imagem e do Som, unidade da Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul, exibe nesta segunda-feira, dia 19 de fevereiro de 2018, às 19 horas, o documentário “Aldeinha: (re)existindo”, sobre a aldeia Aldeinha, localizada em Anastácio (MS).

O documentário tem 27 minutos e tem direção, produção e edição de Cainã Siqueira, Gustavo Tanus e Raylson Chaves. “Aldeinha: (re)existindo” pretende mostrar aquilo que não é visto por todos. Como a educação está presente nessa Aldeia Aldeinha localizada em Anastácio – MS? Como os indígenas percebem a importância de sua língua Terena? Qual a importância de ter uma escola próxima da aldeia? Quais são as condições da escola para atender seu público – em grande parte indígena? Sem buscar culpados, nem mesmo encontrar vítimas, pretende-se através deste documentário, mostrar a realidade, para alguns nua, para outros crua.

Após a invasão de suas aldeias na Guerra do Paraguai, indígenas do povo Terena se dispersaram pela mata. A partir da década de 1960, eles foram sendo encurralados pela urbanização até serem reduzidos a 5 hectares no município de Anastácio (MS), onde fundaram a aldeia Aldeinha. Hoje, sem terra para cultivo, eles recorrem ao artesanato para sobreviver e lutam para preservar a cultura terena.

Após a exibição do documentário, o Coletivo Ânsia, responsável pela exibição em parceria com o MIS, vai apresentar como foi a construção e ideia para realização do documentário e realizar uma discussão aberta com o público sobre: educação, mídias alternativas, mostrar aquilo que não é visto, cultura indígena suas potencialidades e dificuldades em estar com os brancos.

Serviço:

Exibição do documentário “Aldeinha: (re)existindo”

Data: 19 de fevereiro de 2018, segunda-feira

Horário: 19 horas

Local: Museu da Imagem e do Som de MS

Endereço: Memorial da Cultura e da Cidadania, avenida Fernando Corrêa da Costa, 559, 3º andar.

Fone: (67) 3316-9178

Entrada franca