Governo do Estado de Mato Grosso do Sul

‹ Voltar

Encantamento: Grupo Casa apresenta “Aventuras de Bagacinho” para crianças no Boca de Cena

  • 25 maio 2017
  • Categorias:Teatro

Campo Grande (MS) – Encanto no olhar dos pequenos. Alegria na face dos maiores. E um palco unindo os dois grupos em um momento único de arte e magia. “As Aventuras de Bagacinho – Dom Quixote”, encenada pelo Grupo Casa, de Campo Grande, na Escola Municipal de Tempo Integral Professora Iracema Maria Vicente, no Bairro Rita Vieira, uniu música, teatro e inclusão em uma apresentação que marca o coração de todas as idades.

Bagacinho (o aventureiro), Mixirica (a princesa sem frescura), Charanga (o músico atrapalhado) e os palhaços especiais convidados, Alcaparras (o galã), Carranca (o poeta) e Berinjela (o esquisito) contaram aos pequenos estudantes na tarde desta quarta-feira (24 de maio) a história de Dom Quixote comandados pelo chefe da trupe, o Bolonhesa.

Foto: Helton Perez

Alternando canções, esquetes circenses, cor e emoção, o grupo – acompanhado de um interprete de libras, o palhaço Coringa – apresentou a história do herói espanhol, sua origem, sua honradez e suas aventuras de modo leve, didático.

 O espetáculo criado pelo Grupo Casa – Coletivo de Artistas conta com diferentes versões, com as mais diferentes histórias marcadas pelo mesmo encanto. É um projeto de teatro para toda a família, que iniciou em novembro de 2015. Sempre ativo e evoluindo.

Foto: Helton Perez

O Grupo Casa – Coletivo de Artistas surge em março de 2014, quando Ligia Prieto e Fernando Lopes Lima escolhem, por um triste acontecimento, morar em Campo Grande. Ligia Prieto, nascida na Capital, é atriz e diretora de teatro, com formação em psicanálise. Fernando Lopes Lima, nascido no Rio de Janeiro, é ator, diretor e palhaço, graduado em Direção Teatral pela UNIRIO.

Em 2013 a mãe de Ligia falece vitima de leucemia, logo após ter inaugurado a “Casa da Poesia Dra. Alda Garcia”, um espaço artístico onde ministrava aulas de poesia, construção de poemas e declamação. Ligia e Fernando dão continuidade e inauguram a “Casa de Cultura Nildes Tristão Prieto”. Uma sala de poesia se transformou num teatro com trinta lugares e o espaço onde se dava aula para dez alunos hoje oferece curso para cem pessoas. A Casa de Cultura Nildes Tristão Prieto também conta com uma biblioteca com mais de mil e quinhentos livros aberta ao público.

Atualmente o Grupo Casa – Coletivo de Artistas possui um repertório com mais de 20 espetáculos, conta com uma média de cem alunos e entende claramente que esse é só o começo de uma grande caminhada.