Governo do Estado de Mato Grosso do Sul

‹ Voltar

Coral dos Servidores se apresenta na manhã desta segunda-feira no saguão do Memorial da Cultura

Campo Grande (MS) – O Coral dos Servidores do Poder Executivo de Mato Grosso do Sul apresentou a cantata natalina na manhã desta segunda-feira (7) no saguão do Memorial da Cultura. Foram quatro músicas com temas natalinos que encantaram os servidores da Secretaria de Cultura, Turismo, Empreendedorismo e Inovação (Sectei) e Fundação de Cultura de MS (FCMS).

O secretário de Cultura (Sectei), Athayde Nery, na abertura do evento, afirmou ser “uma iniciativa maravilhosa” trazer os cantores para o Memorial. “Parabéns pela dedicação de vocês. É uma bênção vocês nos darem seu carinho, seu trabalho. Acho maravilhoso. Natal é isso, é congraçamento. Aqui nesse prédio tem muita história, muito amor. Aqui corre a história da nossa cidade. E começar uma manhã com vocês nos alimentando a alma é muito bom. Que a gente faça desse Natal o amor à natureza e o amor ao semelhante”.

Coral - Athayde Nery

A representante da Secretaria de Administração e Desburocratização (SAD), por meio da Superintendência de Desenvolvimento de Pessoas (Subest), Giselda Giffoni, trouxe a msnagem de Boas Festas em nome do secretário da SAD, Carlos Alberto de Assis. “Esta é uma ação do governo. Este ano estamos ampliando as atividades visitando todas as 42 instituições do Poder Executivo Estadual. Agradeço a presença do secretário Athayde nesta manhã. O cristianismo traz uma mensagem de amor ao próximo, de tolerância no convívio. É possível ter qualidade de vida no ambiente de trabalho e a arte e a cultura podem contribuir nesse sentido. Agradecemos bastante estarmos aqui”.

O maestro Luiz Quirino de Oliveira está à frente do Coral dos Servidores desde sua criação, há 14 anos. Ele afirma que as cantatas natalinas são uma “oportunidade que os servidores têm de ver os colegas cantando. Procuramos levar uma mensagem de paz, carinho, compreensão e tudo de bom que o Natal traz”.

O coralista André Messias, jornalista da Fundação de Cultura de MS, disse ser uma emoção diferente cantar para os colegas de trabalho. “Deu um friozinho na barriga, ver o rostinho das pessoas vendo você cantando, são todos conhecidos. É uma emoção maior que nas outras secretarias, pois aqui é minha casa, o coração palpita mais”.

coral - Andre Messias

André começou no antigo coral da TVE, em 2006, e quando este coral acabou, foi para o Coral dos Servidores. “O que me motiva a cantar é o gosto pela música, vivo a música intensamente. Desde moleque eu participo de festivais. Canto desde os 7, 8 anos no coral da Igreja. O gosto pela música já vem de criança”.

A gerente de Desenvolvimento de Atividades Artesanais da Fundação de Cultura de MS, Katienka Klain, disse que a apresentação do coral veio unir as pessoas. “Muitas vezes nós não nos encontramos no dia-a-dia. Este é um momento de encontro”.

A gerente de Administração e Finanças da Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul, Maria Madalena Rodrigues, veio às lágrimas. “Eu sou de uma família de muitos irmãos, somos oito, e quando eu era pequena, no interior de Camapuã, minha mãe cantava para a gente no Natal. Ela já é falecida. Lembrei-me dela hoje”.

O evento se encerrou com a promessa de voltar ano que vem com mais apresentações. “O coral está à disposição para participar dos eventos da Sectei”, afirmou Giselda Giffoni.