Governo do Estado de Mato Grosso do Sul

‹ Voltar

Com apoio da Sectei e FCMS, “A princesa Engasgada” conquista o público na feira central

  • 22 fev 2016
  • Categorias:Geral

Reunindo crianças, jovens e famílias, o Teatral Grupo de Risco animou a noite dos frequentadores da Feira Central de Campo Grande, na noite deste domingo (21), com o espetáculo “A princesa Engasgada”. A encenação contou com o apoio da Secretaria de Cultura, Turismo, Empreendedorismo e Inovação (Sectei) e da Fundação de Cultura do Mato Grosso do Sul (FCMS).

Quem passou por ali não saiu antes da peça acabar. Com palmas, gritos, danças e risadas, a plateia participou significativamente do começo ao fim, deixando os atores ainda mais empolgados. Até os comerciantes não ficaram de fora e interagiam com os atores que trocavam de figurino na frente de todos, se transformando rapidamente em reis, princesas e camponeses.
Para a feirante Jacir Medeiros, a apresentação estava tão boa que teve que pedir para uma amiga cuidar de seu comércio para ver de mais perto o espetáculo. “Eles são ótimos, me tiraram boas risadas. Não aguentei e tive que ver de perto para escutar o que eles diziam, deu pra ver que ninguém saía enquanto o show não acabava”, disse.

Além da atração pelo lado divertido, teve também quem se interessasse pela crítica social inserida no texto: “Consegui compreender as mensagens de conscientização, principalmente sobre a violência contra a mulher que infelizmente ainda existe. Muitas famílias com certeza ouviram o recado. Esse problema deve ser revertido e nada melhor do que a arte para ajudar”, relatou o estudante de direito, Jeferson de Almeida.
“Gostei muito das falas criticando o asfalto da cidade, falando das ruas, a má administração dos políticos e todo o desrespeito do poder público em geral com a população, além da violência contra nós mulheres. Achei muito inteligente a forma de abordar tudo isso com humor”, elogiou a esteticista Daniele Alves.

Para o ator André Tristão o envolvimento do público superou as expectativas. “A plateia estava muito participativa, tivemos um ótimo retorno. Assim que chegamos a feira estava ainda muito vazia, senti até uma apreensão. Mas logo que começamos as pessoas se aproximaram e para nossa alegria interagiram com a peça do começo ao fim. Conseguimos levar as mensagens da maneira mais divertida possível e felizmente o público conseguiu captar”, se alegrou André.

“A Princesa Engasgada” conta a história de uma mulher que sofria de maus tratos pelo marido, mas que um dia resolver dar uma lição nele: Logo que aparece um homem a mando do rei procurando alguém que consiga tirar um espinho de peixe entalado na garganta de sua filha princesa, ela mente para ele que seu marido camponês é na verdade um ótimo médico, mas que precisa sempre de uma boa surra. O espetáculo tem como referência a Comédia Dell’Arte, quando dois atores se transformam em reis, princesas e camponeses. A peça tem a direção de Roma Romãn, produção de Fernanda Kunzler e atuação de Yago Garcia, André Tristão e Ewerton Goulart.

Texto: Alexander Onça (Sectei)
Fotos: Edemir Rodrigues (FCMS)

Foto Edemir Rodrigues (1)

Foto Edemir Rodrigues (12)

Foto Edemir Rodrigues (14)

Foto Edemir Rodrigues (16)

Foto Edemir Rodrigues (17)

Foto Edemir Rodrigues (22)

Foto Edemir Rodrigues (39)