Governo do Estado de Mato Grosso do Sul

‹ Voltar

Apoiado pelo FIC, projeto Artes Visuais em MS incentiva o debate crítico e difusão de ideias

Campo Grande (MS) – Patrocinado pelo Fundo de Investimentos Culturais do Governo do Estado, o projeto “Artes Visuais em MS – Campo Aberto” promove nos dias 31 de março e 1º e 2 de abril o Seminário “Campo Aberto para Artes Visuais”.

Com programação para o período vespertino e noturno, o evento tem vagas limitadas e contará com importantes personalidades da cultura: Laerte Ramos (SP), Suzana Queiroga (RJ), Janaina Mello (RJ), Divino Sobral (GO) e Roseli Alves (SP).

O objetivo, conforme explica a idealizadora e coordenadora do projeto, a artista plástica Ana Ruas, é incentivar o debate crítico e difusão de ideias, possibilitando a ampliação de conhecimento e expectativas com relação a temas relevantes da arte contemporânea.

Já é possível se inscrever no seminário através do e-mail contato@anaruas.com.br. As vagas são limitadas e destinadas a todos os interessados, independente de formação e atuação. No corpo do e-mail é necessário enviar nome completo, telefone, formação e área de atuação.

Confira a Programação:

31 de março

15h às 17h – MARCO – Museu de Arte Contemporânea

18h30 às 20h30 – Ateliê Ana Ruas

1º de abril

15h às 17h – MARCO – Museu de Arte Contemporânea

18h30 às 20h30 – Ateliê Ana Ruas

2 de abril

15h às 17h – MARCO – Museu de Arte Contemporânea

Palestras:

Formas de navegação: ciência, arte e oceano

Palestrante: Suzana Queiroga (RJ) – Artista brasileira entre os principais expoentes da assim chamada Geração 80;

Percursos na Arte Contemporânea

Palestrante: Laerte Ramos (SP) – Destaca-se no panorama da arte contemporânea brasileira e trabalha com diversas linguagens como, o vídeo, a instalação, a performance e a ação urbana;

A violência na arte contemporânea brasileira

Palestrante: Divino Sobral (GO) – Artista e curador independente, diretor do Museu de Arte Contemporânea de Goiás entre 2010 e 2013 e artista premiado com o Prêmio Curadoria do Prêmio Marcantonio Vilaça CNI SESI SENAI (2015);

Quando o museu é uma escola

Palestrante: Janaina Melo (RJ) – Crítica de arte, curadora, pesquisadora de ensino e de história da arte. Atualmente é gerente de Educação do Museu de Arte do Rio. Foi curadora de Arte e Educação do Instituto Cultural Inhotim, (2007-2012).

A formação dos professores: A arte do encontro ao Encontro da Arte

Palestrante: Roseli Alves (SP) – Atua como facilitadora de redes e coordenadora de programas e projetos que visam contribuir para formação e prática de profissionais da educação como, por exemplo, o site Arte na Escola.

Artes Visuais em MS – Campo Aberto – Contemplado no Fundo de Investimentos Culturais (FIC), o projeto acontece entre os meses de março e setembro de 2017, em Campo Grande. Promoverá além do seminário, intervenções e ações educativas com a proposta de incentivo ao intercambio, debate crítico, difusão de ideias, produção, circulação e oficinas, buscando a formação de público para a arte contemporânea, com enfoque em intervenções e instalações.

Serviço: Outras informações e inscrições poderão ser obtidas diretamente no e-mail contato@anaruas.com.br ou no telefone (67) 99202-4095. O Museu de Arte Contemporânea fica na Rua Antônio Maria Coelho, 6000, no Parque das Nações Indígenas.  

Reportagem: Karine Dias

Divulgação