Governo do Estado de Mato Grosso do Sul

‹ Voltar

2° reunião preparatória para as atividades alusivas aos 150 anos da Retirada da Laguna será na quinta-feira

  • 10 nov 2015
  • Categorias:Geral

Acontece na próxima quinta-feira (12), a 2° reunião preparatória para as atividades alusivas aos 150 anos da Retirada da Laguna, a serem realizadas em 2017. A reunião é promovida pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS), a Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS) e o Comando Militar do Oeste e terá a presença de representantes dos municípios envolvidos e do secretário de Cultura, Athayde Nery.
O objetivo é dar andamento às discussões por parte das entidades de cunhos artísticos, culturais, políticos, militares e civis, tanto da esfera federal, quanto das esferas estadual e dos municípios que compõem a região palco do importante episódio ocorrido na Guerra do Paraguai, para pensar, criar e estabelecer a programação .
A idéia inicial, proposta pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul – UFMS, pela Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul – UEMS e pelo Comando Militar do Oeste – CMO é fazer desde já um calendário com a realização de atividades sociais, artísticas, políticas, culturais, militares e civis que relembrem os fatos ocorridos durante aquele episódio da “Guerra da Tríplice Aliança” e referencie os seus heróis.
Recentemente uma equipe da Secretaria de Cultura, Turismo, Empreendedorismo e Inovação fez o reconhecimento dos marcos históricos e viu de perto o potencial do turismo histórico cultura.
O grupo percorreu os principais pontos de importantes batalhas durante o período de guerra. A visita começou pelo Parque Histórico Colônia Militar dos Dourados, no município de Antônio João, onde o secretário da Sectei, Athayde Nery, e os superintendentes de turismo, Matheus Dauzacker, e cultura, Zito Ferrari, foram recebidos pelo comandante do 10° RCMec, coronel Rocha Lima, para uma visita do Museu existente no local , criado em abril de 1977, para preservar o patrimônio do Exército Brasileiro.
A Colônia dos Dourados foi palco em 29 de dezembro de 1864 da primeira batalha entre paraguaios e brasileiros – Epopéia dos Dourados – que marcou o início do conflito da Guerra do Paraguai, depois chamada de Guerra da Tríplice Aliança.
O grupo teve uma verdadeira aula de história e visitou os principais marcos da Colônia que mantém um memorial do Tenente Antônio João. Foi ele que, ciente da aproximação do exército paraguaio, evacuou o local e permaneceu junto com outros 14 homens para uma batalha com 365 paraguaios, que resultaria na morte de todos os brasileiros.

O reconhecimento dos marcos históricos passou também pelo Parque Nacional de Cerro Corá, em Pedro Juan Caballero , no Paraguai, onde o auxiliar da Secretaria Nacional de Turismo, Jorge Domingues, guiou o grupo para a visitação ao ponto da última batalha da Guerra da Tríplice Aliança e ao local onde o Marechal Francisco Solano Lopez foi morto pelo Exército Brasileiro,
Em Bela Vista foram visitados os marcos existentes no municípi,o que foi palco da maior e mais sangrenta batalha do conflito – a Batalha de Nhandipá.
Todo o material colhido durante essa visitação será compartilhado com os demais envolvidos nas atividades dos 150 anos da Retirada da Laguna nessa reunião da próxima quinta-feira (12), às 14h no MIS – Museu da Imagem e do Som, que fica na Avenida Fernando Corrêa da Costa, 559.

A GUERRA DA TRÍPLICE ALIANÇA
A , inicialmente, chamada Guerra do Paraguai é ainda um dos fatos mais discutidos da história brasileira. Em dezembro de 1864 o Paraguai invadiu Mato Grosso em represália à intervenção brasileira na guerra civil uruguaia. Brasil, Argentina e Uruguai formaram a Tríplice Aliança para derrubar o presidente Solano Lopez, obter a livre navegação na Bacia do Prata e anexar parte da área em disputa com o Paraguai. O conflito teria sido instigado pela Inglaterra. A guerra terminou em 1870 com a derrota do Paraguai.

SERVIÇO
2° reunião preparatória para as atividades alusivas aos 150 anos da Retirada da Laguna
Dia 12/11/15
Horário : 14h
Local – MIS – Museu da Imagem e do Som
Av. Fernando Corrêa da Costa, 559
Campo Grande – MS

IMG_6787

Tânia Soter – Assessora de Imprensa SECTEI